INÍCIO RESENHAS PARCEIROS CONTATO ESPECIAIS

2 de julho de 2016

Falando sobre: O Mensageiro

||
Autora: Lois Lowry
Editora: Arqueiro
Ano: 2016
160 páginas 

Sinopse: Há seis anos, Matty chegou ao pacato Vilarejo. Sob os cuidados de Vidente, um cego que tem uma visão especial, ele amadureceu e se adaptou à nova vida. Agora, espera receber seu nome verdadeiro, que determinará seu valor ali, como ocorre com todos os habitantes. Contudo, algo nefasto está se infiltrando no Vilarejo, e os moradores, antes orgulhosos de receber forasteiros, passam a exigir que as fronteiras sejam fechadas para se protegerem. Por ser um hábil mensageiro, Matty é encarregado de avisar os outros povoados sobre o bloqueio. Sua missão também tem outro grande objetivo: buscar Kira, a filha de Vidente, antes que seja tarde demais. Ele é o único capaz de viajar pela Floresta, que já provocou algumas mortes. O problema é que ela também está se tornando um lugar perigoso para o garoto. Mas muitos dependem de Matty. Então, armado apenas de um poder recém-descoberto, ainda incompreensível e incontrolável, ele se arriscará a fazer o que talvez seja sua última viagem.

Olá pessoal! Como vocês estão? Hoje venho trazer mais uma resenha em parceria com a editora Arqueiro :D. Por se tratar do terceiro livro da série O Doador de Memórias a resenha contém spoilers dos livros anteriores

A história de O Mensageiro se passa 6 anos após os acontecimentos de A Escolhida, e dessa vez nós acompanhamos a história de Matty (sim, o Matty do segundo livro), que agora vive no Vilarejo junto com Vidente, o pai de Kira.

Porém, Matty está diferente: "o mais feroz dos ferozes" como ele mesmo dizia, foi para a escola e aprendeu bons modos, assim como a cozinhar e a cuidar da horta. Matty agora é o mensageiro oficial do Vilarejo, pois é o único que sabe andar pela Floresta, que tem estado muito estranha. 
"Não entendo exatamente o que é - continuou Líder.  - Mas consigo ver que a Floresta está ficando mais densa, como um... - Ele hesitou. - Eu ia dizer 'como um coágulo de sangue'. Como algo que vai ficando mais vagaroso e doente." Pág 91.
Mas ela não é a única, alguns habitantes também começaram a agir de modo diferente, a ponto de quererem fechar as portas do Vilarejo, que sempre foi o abrigo de vários refugiados de outras comunidades. 
"Mas agora sabia que em toda parte, espalhadas pelos quatro cantos do mundo conhecido, existiam comunidades onde as pessoas sofriam. Nem sempre devido a surras ou à fome, como havia acontecido com ele, mas por causa da ignorância. Por não saberem. Porque eram privadas do conhecimento." Pág 27.
Por conta do fechamento do Vilarejo, Matty tem apenas 3 semanas para buscar Kira de sua antiga vila, senão ela e o pai nunca mais poderão se ver outra vez. 

O enredo segue a mesma ideia do livro anterior: no princípio conhecemos o personagem principal, a comunidade onde habita e suas regras, a partir daí há o foco na descoberta de seu dom. Essa linha seguida pela autora faz com que a leitura seja rápida e em nenhum momento ela se torna cansativa, pois você não quer lagar o livro para descobrir todos os mistérios apresentados. 

Em O Mensageiro reencontramos também, além de Kira, um personagem lá de O Doador de Memórias, para a alegria de muitas pessoas que achavam que nunca mais veriam o Jonas e seu dom - que por acaso foi bem explorado pela autora, bem como o de Kira e Matty.

"Ele tem um dom especial. Algumas pessoas os têm. Líder é capaz de ver além." Pág 85.
O final me deixou bem surpresa, acho que ninguém esperava por esse tiro da Lois Lowry rs, isso só fez com que eu ficasse mais ansiosa pela continuação da série. Recomendo a todos! 


É isso pessoal, até mais e foca na leitura!
Facebook
Blogger

Nenhum comentário